Academia WordPress
Nesta Black Friday, compre com inteligência. Aprenda novas habilidades a partir de R$ 19,99 cada
Explora las posibilidades. Desarrolla nuevas habilidades desde sólo $11,99.

Guia WordPress – O Conteúdo

WordPress é formado em volta de 2 conceitos básicos: Posts e Páginas. Posts, ou artigos, na sua função principal são entradas do Blog, listados – geralmente – em ordem de publicação. Já as páginas são usadas para conteúdos estáticos – que não muda ou muda com pouca frequência – e um bom exemplo para isso é a famosa página Sobre que quase todo site ou blog possui.

Agora, por mais que o blog seja algo ativo por padrão na sua instalação WordPress pode vir o seguinte questionamento: E se eu não precisar de um Blog?. Depende de como você está encarando a existência de um blog no seu portal, sem contar que o Post pode ser usado de diversas formas como, por exemplo, a criação de uma galeria de imagens ou vídeos que é atualizada constantemente. Tenha sua mente aberta sobre o uso da área de Posts no WordPress e você verá que são inúmeras as aplicações.

Posts

No menu lateral você encontra os acessos a área de posts logo no inicio podendo escolher entre ver toda sua lista de publicações, adicionar um novo post, alterar as categorias dos posts ou alterar as tags. Aproveitando que os nomes Categorias e Tags vieram a tona, é bom que você conheça o sentindo e a usabilidade de cada uma dentro do WordPress:

  • Categorias: As suas publicações são arquivas e organizadas primordialmente pelas categorias. Imagine que você tem um blog sobre culinária que publica receitas. Então, por exemplo, sua separação de categoria podia ser por tipos de culinária (italiana, francesa, grega) ou por tipos de comida (bolos, massas, carnes).
    • Sub-categoria: Como você verá na imagem de exemplo, existe um campo na criação da categoria que é chamado de Pai. Isso significa que você pode escolher uma categoria para ficar acima, digamos que Cozinha Italiana, e uma sub-divisão do assunto que se torna uma categoria filha da primeira, como por exemplo Massas Italianas.
  • Tags: São palavras-chave que permitem agrupar o seu conteúdo de forma mais especifica. Inserir as tags certas no seu post ou página permitirá que o visitante, pelo sistema de busca do WordPress, possa achar corretamente aquela receita de Macarrão com Almondegas – ainda usando o site de culinária como exemplo.

area-de-categoria-wordpress

Por obrigação já existe uma categoria criada na sua primeira instalação do WordPress e ela não pode ser deletada, ou seja é preciso de ao menos uma categoria para se fazer o agrupamento dos posts. Na área de Categorias você poderá criar, alterar e customizar suas categorias.

Ainda existe o arquivamento das suas publicações por data, mês e ano. Esse agrupamento é feito automaticamente pelo WordPress e tudo que você precisa fazer é configurar corretamente a hora e data na área de Configurações Gerais.

Adicionando um novo Post

Ao clicar no item Adicionar Novo, no menu lateral, você será direcionado para a área de criação do conteúdo. Dentro dessa página é preciso conhecer algumas ferramentas principais para entender a dinâmica de criação do WordPress e o restante será bem intuitivo. Em primeiro lugar você precisa começar pelo título da sua publicação, depois digo já pode partir para a parte mais importante que é o conteúdo em si que é inserido no espaço logo abaixo do editor. Se você não tem uma instalação pronta do WordPress acompanhe pela imagem:

area-de-categorias-do-wordpress

Antes de prosseguirmos é bom você conhecer um termo chamado Slug. Ele nada mais é que a palavra ou conjunto de palavras que serão formadas no final do endereço eletrônico, URL, que o seu post estará. Ao adicionar o título o WordPress junta todas as palavras e cria o slug automaticamente para você, porém é possível editá-lo logo após a sua criação e é muito importante criar url’s que se relacionem com o conteúdo que será disponibilizado no post. A escolha do Slug está presente em todo tipo de criação de conteúdo do WordPress.

O Editor de Texto do WordPress contém as ferramentas igual a Word da Microsoft, por exemplo, então você não terá dificuldade nenhuma para arrumar seu conteúdo corretamente. Algumas diferenças e facilidades que você precisa conhecer:

  • Você pode trocar entre o Visual – mais amigável – e o editor de texto que promove uma visão cru permitindo o uso de codificação. Ambos são selecionados no canto direito, em abas.
  • O botão Adicionar Mídia, logo acima do editor, colocará um arquivo direto no seu post onde o marcador do texto estiver parado.
  • No canto direito ainda você verá um ícone diferente, como um X, e ele serve para tirar as barras laterais de visão e dar uma visão sem distrações para sua edição.
  • Ao final do editor de texto você tem a contagem de palavras e isso é muito útil.
  • Por mim, esse editor pode adquirir novas funcionalidades a partir de plugins

editor-de-texto-do-wordpress

Com seu conteúdo completamente inserido e editado na parte principal, podemos avançar para as opções que se encontram na barra lateral direita. Além da escolha de categorias e tags que já conversamos, existe ainda a inserção de uma imagem destacada. Essa imagem é aproveitada de diversas formas pelo seu WordPress, pelos mecanismos de busca e nas Redes Sociais. Toda vez que você um link publicado no Facebook, por exemplo, nele uma imagem que conta uma pouco sobre o que aquele link está falando a respeito pode saber que é uma imagem destacada que permitiu aquilo. As imagens destacadas servem também como marca da sua publicação e muitas visitas podem chegar até o seu blog somente pelo visitante ter encontrado essa imagem em uma busca.

Por fim, após definir uma imagem certa para o seu post, você pode se concentrar na caixa de opções mostrada na imagem:

opções-de-publicar-o-post-wordpress

Esse conjunto de opções é o passo final para uma publicação simples no WordPress. Além disso também permite que você, ao invés de publicar oficialmente, salve como rascunho e guarde seu conteúdo para depois. Uma das grandes vantagens do rascunho é que ele também já cria uma visão do post no site, ou seja, mesmo sem ser publicado você pode ver como ele ficará no blog e assim testar a sua edição. Ainda na linha de Visibilidade é possível restringir a sua publicação e gerar uma senha para que outra pessoa tenha acesso a ela.

Outro recurso interessante é o agendamento das publicações. Na linha Publicar, onde na imagem está Imediatamente, você pode editar essa opção e agendar a sua publicação para uma data futura.

Por fim, como o link de Mover para a Lixeira despensa explicações, você pode Publicar o seu conteúdo clicando no botão azul em destaque na caixa. Se o arrependimento bater e quiser retornar a sua publicação para um rascunho basta editar a primeira linha, Status, e ele retorna como se nada tivesse acontecido.

Páginas

A publicação de páginas funciona praticamente da mesma maneira que posts, sendo que a diferença maior é não ter a necessidade de classificação por categorias. Por outro lado é possível criar sub-páginas usando o mesmo modelo das categorias. Todo o restante executa-se da mesma maneira, sem medo, lembrando apenas de usar as páginas para conteúdo estático.

2015-09-21_02-29-30

Defina o conteúdo que você quer apresentar, um Slug amigável- aquela palavra ou conjunto que segue junto ao endereço do seu site – e a imagem destacada que também é necessária para as Páginas.

Revisões

Após um primeiro salvamento do conteúdo acontecer – seja como rascunho ou não – o WordPress criará uma entrada e toda vez que você fizer alterações nesse documento elas serão registradas de forma sequente. Esse sistema de registro de alterações é extremamente útil por possibilitar que você volte alterações que já fez, revise o que foi mudado ou compare as mudanças feitas.

O sistema de revisão sempre fica no final da página de criar Post ou Página e é muito intuitivo.

Veja se agora você consegue criar seu primeiro conteúdo no WordPress e saiba que essa ação fará parte da sua saga com esse CMS para sempre!

Daniel Leal

Daniel Leal

Eu escrevo para facilitar o aprendizado de outros daquilo que eu tivesse dificuldade em aprender. WordPress, WooCommerce e desenvolvimento de novas tecnologias são meus focos principais, mas marketing de conteúdo, negócios digitais e (mais recentemente) fintechs também ocupam uma parcela das minhas ideias e projetos.

Adicionar Comentário

Nesta Black Friday, compre com inteligência. Aprenda novas habilidades a partir de R$ 19,99 cada

Academia WordPress

Portal de treinamento gratuito e notícias atualizadas desse extraordinário gerenciador de conteúdo e seus módulos que poderão mudar a sua vida digital.

contato@academiawordpress.com.br

Melhores Plugins 2020!

Guia WordPress - O Conteúdo

Share via
Send this to a friend